Skip links

O programa IUC LAC da União Europeia apoia a formação de governos locais argentinos em financiamento climático

O Programa Internacional de Cooperação Urbana na América Latina (IUC-LAC) da União Europeia apoiou o treinamento em Financiamento Verde, que faz parte do curso virtual Design e apresentação de projetos de investimento organizados pela Rede Argentina de Municípios contra as Mudanças Climáticas (RAMCC), uma das coordenadoras nacionais do GCoM-LAC na Argentina, e em colaboração com a Fundação Friedrich Ebert.

O curso virtual de Desenho e Planejamento de Projetos de Inversão forneceu ferramentas tanto para a identificação e produção de projetos quanto para sua análise e apresentação a várias linhas de financiamento existentes. Os cinco primeiros encontros, ministrados pelo consultor Andrés Agosti, estavam destinados a cumprir as diretrizes para a montagem e a apresentação dos projetos. Na sexta e última reunião foram apresentadas algumas das fontes internacionais de financiamento existentes.

Com o apoio da União Europeia, dois especialistas em financiamento sustentável da empresa internacional IDOM foram selecionados para desenvolver os conceitos básicos de financiamento verde, as principais fontes disponíveis e seus requisitos de acesso. No final do curso, todos os municípios participantes desenharam e compartilharam seu projeto seguindo um modelo. Esse treinamento não teve custo para os estudantes, uma vez que as despesas operacionais foram cobertas com o apoio da Fundação Friedrich Ebert (FES), do IUC-LAC e do Pacto Global de Prefeitos para Clima e Energia (GCoM).

Pesquisa de avaliação

Depois de concluir o curso, a RAMCC aplicou uma pesquisa e constatou que 100% dos governos locais que participaram aprovaram o treinamento, 60% deles o classificaram como “muito bom” e 40% como “oportuno e excelente”. Além disso, todos manifestaram interesse em continuar trabalhando com a União Europeia, por meio do programa da IUC-LAC, uma vez que consideram extremamente importante implementar as ações dos Planos de Ação Climáticos Locais (PLAC).

O Secretário Executivo do RAMCC Ricardo Bertolino enfatizou a importância do apoio da União Europeia para atingir as metas de redução de emissão de gases de efeito estufa. “Nosso objetivo é que, até o ano de 2030, todos os municípios que compõem a RAMCC possam alcançar uma redução de suas emissões próxima à que a Argentina se comprometeu internacionalmente. Para isso, é necessário o apoio de organizações multilaterais”, afirmou.

Join the Discussion

Return to top of page